O protagonismo do egresso na formação profissional do assistente social

Autores

  • Cleci Elisa Albiero Uninter
  • Adriane Bhürer Baglioli Brun Uninter
  • Aurea Bastos Davet Uninter

Resumo

Neste artigo, propõe-se apresentar resultados parciais de pesquisa realizada com egressos do curso de Serviço Social da Uninter. O objetivo é estabelecer diálogo com os  resultados da pesquisa para avaliar a formação e o trabalho profissional do Assistente Social, subsidiando desta forma a revisão do Projeto Pedagógico do Curso (PPC). No que tange à metodologia, parte-se de pesquisa teórico-bibliográfica e realiza-se coleta de dados empírica e exploratória por meio de questionário semiestruturado com 89 perguntas abertas e fechadas, via plataforma Google Forms  e enviado via e-mail aos egressos do curso de Serviço Social entre os meses de out/21 a abril/22. Os principais resultados aferem que o perfil dos egressos corresponde a pessoas de 36 a 45 anos (37,7% do total). Delas, 89,6% são mulheres, 59,7% brancas e 29,9% pardas. Verifica-se, ainda, que os profissionais se pautam nas dimensões da profissão e consideram o estágio curricular obrigatório como referência para a práxis profissional. O estudo encontra-se em andamento e este trabalho oferece as primeiras reflexões sobre a pesquisa.   

Palavras-chave: formação; educação; trabalho; egresso.

Abstract

This article proposes to present partial results of the research carried out with egresses from the Social Service course at Uninter. The objective is to establish a dialogue with the research results to evaluate Social Workers' formation and professional practice, thus subsidizing the Pedagogical Project of the Course (PPC) review. Regarding methodology, it is based on theoretical-bibliographical research, and empirical and exploratory data collection thought an 89 open and closed questions semi-structured questionnaire by Google Forms platform, and sent by e-mail to graduates of the Social Work course between the months of Oct/21 and April/22. The main results present that graduates’ profile corresponds to people between 36 and 45 years old (37.7% of the total). Of these, 89.6% are women, 59.7% white and 29.9% mixed race. We also verify that the professionals are guided by the dimensions of the profession and consider the mandatory curricular internship as a reference for professional practice. The study is in progress and this paper offers the first reflections on the research.  

Keywords: training; education; work; egress.

Resumen

Este artículo tiene el propósito de presentar resultados parciales de investigación realizada con egresados del curso de Trabajo Social de la Uninter. El objetivo es establecer diálogo con los resultados de la investigación, para evaluar la formación y el trabajo profesional del Trabajador Social y ofrecer datos para la revisión del Proyecto Pedagógico del Curso (PPC). La metodología parte de revisión teórico-bibliográfica y realiza recolección de datos, empírica y exploratoria, hecha por medio de cuestionario semiestructurado con 89 preguntas abiertas y cerradas, vía plataforma Google Forms, y enviado por e-mail a los egresados del curso de Trabajo Social entre los meses de octubre/21 a abril/22. Los principales resultados confirman que el perfil de los egresados corresponde a personas de 36 a 45 años (37,7% del total). De ellas, 89,6% son mujeres, 59,7% blancas y 29,9% pardas. Se verifica, aun, que los profesionales se orientan por las dimensiones de la profesión y consideran las pasantías curriculares obligatorias como referencia para la praxis profesional. El estudio está en desarrollo y este trabajo ofrece las primeras reflexiones sobre la investigación.

Palabras-clave: formación; educación; trabajo; egresado.

Biografia do Autor

Cleci Elisa Albiero, Uninter

Doutora em Serviço Social pela PUC/SP; Professora do curso de Serviço Social da Uninter; Pesquisadora do Grupo de Estudos e Pesquisa sobre Trabalho, Formação e Sociabilidade (GETFS) linha de estudos sobre Formação Profissional, Identidade e Trabalho do Curso de Serviço Social – UNINTER.

Adriane Bhürer Baglioli Brun, Uninter

Mestre em Educação, Coordenadora do Curso de Bacharelado em Serviço Social Uninter ; Pesquisadora do Grupo de Estudos e Pesquisa sobre Trabalho, Formação e Sociabilidade (GETFS) linha de estudos sobre Formação Profissional, Identidade e Trabalho do Curso de Serviço Social – UNINTER.

Aurea Bastos Davet, Uninter

Pesquisadora doutora autônoma e voluntária no Grupo de Estudos e Pesquisa sobre Trabalho, Formação e Sociabilidade – GETFS, linha de estudos sobre Formação Profissional, Identidade e Trabalho do Centro Universitário Internacional – UNINTER.

Referências

ARAÚJO, Luciene et al. Mariana Gleicy de Oliveira Silva. Serviço social e pesquisa científica: uma relação vital para a formação profissional. Revista Katálysis, Florianópolis, v. 23, n. 1, p. 81-89, jan./abr. 2020. ISSN 1982-0259. Disponível em: https://www.scielo.br/j/rk/a/T9XKT7zBYthsVXs3LMPCzch/?lang=pt&format=pdf. Acesso em: 20 nov. 2022.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ESTUDOS EM SERVIÇO SOCIAL (ABESS). Diretrizes gerais para o curso de Serviço Social. (Com base no currículo mínimo aprovado em Assembleia Geral Extraordinária de 08 de novembro de 1996). Rio de Janeiro: ABESS, 1996. Disponível em: https://www.abepss.org.br/arquivos/textos/documento_201603311138166377210.pdf. Acesso em: 20 nov. 2022.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ESTUDOS EM SERVIÇO SOCIAL (ABESS). Diretrizes gerais para o curso de Serviço Social. (Com base no currículo mínimo aprovado em Assembleia Geral Extraordinária de 08 de novembro de 1996). Formação Profissional:Trajetória e Desafios. Rio de Janeiro: ABESS, 1997. (Cadernos, n. 07).

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ESCOLAS DE SERVIÇO SOCIAL (ABEPSS). Diretrizes curriculares para o Curso de Serviço Social. 1999. Disponível em: http://www.cfess.org.br/arquivos/legislacao_diretrizes.pdf. Acesso em: 20 nov. 2022.

GRUPO DE ESTUDOS E PESQUISA EM TRABALHO, FORMAÇÃO E SOCIABILIDADE (GETFS). Linha de Pesquisa: Formação Profissional, Identidade e Práticas Profissionais. Projeto de Pesquisa “Formação Profissional do Assistente Social: um estudo sobre o egresso do Curso de Serviço Social – UNINTER”. Curitiba: Curso de Serviço Social Uninter, 2022.

IAMAMOTO, Marilda Vilela. O serviço social na contemporaneidade: trabalho e formação profissional. 3. ed. São Paulo: Cortez, 2000.

IAMAMOTO, Marilda Vilela. As dimensões ético-políticas e teórico-metodológicas no serviço social contemporâneo. Texto base da conferencia magistral do XVIII Seminário Latinoamericano de Escuelas de Trabajo Social,. San José, Costa Rica. 12 de julio de 2004, originalmente publicado nos Anais do referido Seminário: MOLINA, M. L. M. (org.). La cuestión social y la formación profesional en el contexto de las nuevas relaciones de poder y la diversidad latinoamericana. San José, Costa Rica: ALAETS/Espacio Ed./Escuela de Trabajo Social, 2004. p. 17-50.

Downloads

Publicado

2023-01-26

Como Citar

ALBIERO, C. E.; BHÜRER BAGLIOLI BRUN, A.; BASTOS DAVET, A. O protagonismo do egresso na formação profissional do assistente social. Humanidades em Perspectivas, [S. l.], v. 4, n. 9, p. 122–134, 2023. Disponível em: https://revistasuninter.com/revista-humanidades/index.php/revista-humanidades/article/view/199. Acesso em: 18 abr. 2024.

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)